Secretaria do Entorno converte-se em ponto de arrecadação para vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul

0
6

A Secretaria de Estado do Entorno do Distrito Federal (SEDF-GO), situada em Brasília, uniu-se à campanha “Operação Mãos Estendidas”, iniciativa do Governo de Goiás em parceria com o Corpo de Bombeiros e com o programa Goiás Social. Durante uma entrevista concedida à Rádio Guaíba, nesta terça-feira, o governador Ronaldo Caiado reforçou a solidariedade do povo goiano para com os afetados pelas recentes enchentes no Rio Grande do Sul. “O avião do Estado tem feito essa ponte aérea direta para transferir o material”, ressaltou Caiado à emissora de rádio.

A SEDF-GO é um dos pontos de coleta distribuídos em órgãos de todo o Estado. A Pasta está localizada no Edifício Alvoran, Setor de Administração Federal Sul Q2, em Brasília. O local, próximo ao Conselho Nacional de Justiça e à embaixada dos Estados Unidos, estará recebendo cobertores e roupas de frio na recepção das 8h às 18h. Alternativamente, as contribuições também podem ser feitas diretamente nas unidades do Corpo de Bombeiros de Goiás.

Os itens arrecadados serão destinados ao Gabinete de Crise Nacional, sob coordenação do Corpo de Bombeiros de Goiás, e distribuídos às vítimas das enchentes, que afetaram mais de 300 municípios gaúchos, colocando-os em estado de calamidade. “Focamos na coleta de cobertores e roupas de frio devido às baixas temperaturas da região e às severas perdas enfrentadas pelas famílias”, explica Caroline Fleury, secretária do Entorno do Distrito Federal.

Até agora, as equipes de bombeiros militares registraram 33.268 pessoas e 2.091 animais resgatados, com a participação direta de Goiás no salvamento de mais de 150 pessoas e 25 animais.

A campanha “Mãos Estendidas” foi lançada em 6 de maio pelo governador Ronaldo Caiado e pela primeira-dama Gracinha Caiado, coordenadora do Goiás Social. A iniciativa já mobilizou diversas secretarias e organizações da sociedade civil, que estabeleceram pontos de coleta para itens como cestas básicas e filtros de barro.

Durante o lançamento, Caiado enfatizou a urgência da situação: “A maior necessidade é de cobertores, colchões, alimentos não perecíveis e produtos de limpeza e higiene pessoal. Estamos comprometidos em ajudar os gaúchos que enfrentam uma das maiores calamidades já registradas.”

Goiás Lidera o Gabinete de Crise Nacional

O Gabinete de Crise do Conselho Nacional de Comandantes Gerais do Brasil – Ligabom está ativo em Goiânia, sob liderança do Coronel Washington Luiz Vaz Júnior, comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO). Este órgão é responsável pelo monitoramento e coordenação das operações de resgate em todo o país, incluindo o envio de equipes e equipamentos de emergência.

O governador Ronaldo Caiado disponibilizou uma equipe do CBMGO, composta por 21 bombeiros especializados em desastres, quatro embarcações, cinco caminhonetes, um caminhão, um drone e quatro cães de busca, para atuar nos locais afetados pelos desastres.

Secretaria de Estado do Entorno do Distrito Federal – Governo de Goiás

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui