Caixa vai abrir no feriado prolongado para pagar auxílio emergencial

0
27

Por Fabiana Futema

O feriadão de até seis dias de São Paulo não vai afetar o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600. A Caixa, agente pagadora do beneficio, diz que as agências funcionarão normalmente para atender o público beneficiado pelo auxílio emergencial.

E os outros bancos? Por enquanto, o decreto municipal não excluiu o setor financeiro do feriado antecipado.

Mas o setor quer mudar isso? Sim. Em carta enviada ao governador Joao Doria, dez entidades que integram a CNF (Confederação Nacional das Instituições) pedem que o setor continue seguindo a data original do feriado bancário, e não a antecipação que começa a partir de amanhã.

O feriado começa quando? É de 5 ou 6 dias? Começa amanhã e pode chegar a seis dias em São Paulo – a decretação do 6º dia de folga ainda depende de uma aprovação da Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo. A Câmara Municipal aprovou ontem um projeto de lei que cria um feriadão de cinco dias. A super folga será criada pela antecipação de dois feriados municipais de São Paulo – Corpus Christi (11 de junho) e da Consciência Negra (20 de novembro) e da decretação de um ponto facultativo, na sexta-feira (dia 2). Se a Alesp aprovar a antecipação do feriado estadual de 9 de Julho para segunda (25), serão seis dias de folga

Quem a CNF quer deixar de fora do feriadão? As instituições integrantes do sistema financeiro nacional, como as bolsas de valores, de mercadorias e futuros, as infraestruturas de mercado, as corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários, os agentes autônomos de investimento, as agências e atividade bancárias.

Por que o governo de SP quer antecipar os feriados? Para forçar a elevação da taxa de isolamento, que costuma ficar maior nos fins de semana e feriado. Esse movimento acontece junto com o aumento dos casos de coronavírus e de ocupação máxima dos leitos de UTI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui