André do Premium propõe novas diretrizes para a utilização de areia descartada de fundição

0
11

O deputado André do Premium (Avante) propõe, por meio do projeto de li n° 8829/24, estabelecer diretrizes no Estado de Goiás para a utilização da areia descartada de fundição (ADF) como insumo ou matéria-prima em processos produtivos.

Segundo a matéria, a produção de fundidos aumentou significativamente a cada ano, consumindo grandes quantidades de matérias-primas e gerando grandes quantidades de resíduos que são aterrados e poucas vezes reutilizados, como, areias da macharia e moldagem, pós e refratários da fusão, pós do acabamento, além de materiais auxiliares que trazem consigo papel, plástico, madeira.

O parlamentar esclarece, ainda, que são gerados outros resíduos provenientes do processo de fundição, tais como escória de fundição, sucata de ferro, material particulado e vapores dos fornos. “Destes, ADFs compreendem aproximadamente 85% da geração e são constituídas basicamente de uma mistura contendo areia, argila e carvão”, sublinhou.

Para finalizar, André ressalta que a redução da necessidade de áreas para disposição em aterros, diminuição do consumo de recursos naturais, aumento do índice de utilização de resíduos industriais e ganhos socioeconômicos são aspectos que se alinham aos princípios da sustentabilidade Ambiental, Social e de Governança Corporativa (ESG, sigla em inglês).

A propositura está na Comissão de Constituição, Justiça e Redação, sob relatoria da deputada Vivian Naves (PP).Agência Assembleia de Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui