Alego realizou na manhã desta 5ª-feira, 14, uma palestra sobre ética profissional para servidores da Casa

0
19

A Escola do Legislativo, em parceria com a Assessoria Técnica de Compliance, promoveu nesta quinta-feira, 14, uma  palestra com o tema “Ética: um princípio que não pode ter fim”, ministrada pela servidora e psicóloga Juliana Meneghelo. As atividades são destinadas aos servidores de todas as unidades administrativas e gabinetes, efetivos e comissionados.

No encontro foram abordados assuntos, como o conceito de ética e temas relacionados, como ética e moral, ambientes onde existem ética, ética profissional, relação entre ética e inteligência emocional e código de ética da Alego.

Na ocasião, o diretor-executivo da Presidência da Assembleia Legislativa de Goiás, Rubens Kirsteim, destacou a importância do tema e ressaltou que a Alego recebeu, no ano passado, o Selo Diamante do Programa Nacional de Transparência Pública (PNTP). “O ranking aponta que o portal do Poder Legislativo goiano é o mais transparente de todas as casas legislativas do País e o nosso objetivo é de permanecermos sendo referência no nosso portal, no nosso sistema”, concluiu.

O diretor-geral adjunto, Tasso Honorato, também esteve presente e enfatizou que a transparência, a ouvidoria e o compliance trabalham juntos no Poder Legislativo e têm a ética como um dos principais eixos. Destacou, ainda, que o desejo do presidente da Casa, Bruno Peixoto (UB), é de trazer para a Alego esses temas tão importantes.

“O objetivo é que todos os servidores falem a mesma língua e que possamos estar acompanhando e modernizando o Poder Legislativo, para trazer ao cidadão de forma eficiente todas as informações referentes à transparência”, disse.

Tarde

Dando prosseguimento ao evento, no período da tarde a  psicóloga e também servidora, Juliana Meneghelo, ministrou a palestra para outa turma de servidores. Segundo ela, esse tema tem como intuito melhorar o convívio em diversas áreas da vida, mas principalmente, no âmbito de trabalho. ‘’Não há como ter um bom convívio se não houver conduta no dia a dia. O emocional tem que estar sempre na medida do possível bem, para que, no ambiente de trabalho podemos ter harmonia e respeito’’, revela a psicóloga.

Juliana também destaca que esse projeto da Assembleia Legislativa, em parceria com a Compliance, requer, além de fornecer conhecimento, também colher bons resultados na prática.

O evento reuniu servidores da Casa de todos os setores que se interessaram pela temática. Na ocasião, a palestrante passou atividades para os servidores descreverem como anda a saúde mental e inteligência emocional.

A servidora Gislene Gonçalves fala sobre a importância da iniciativa dessas palestras por refletirem nas ações do dia a dia, ‘’O tema é bem pertinente, achei interessante que ela nos perguntou se ética poderia ser adquirida. Eu digo que sim. O conhecimento pode transformar’’, revela a servidora. Gislane também parabeniza pela iniciativa da Casa de Leis. ‘’A iniciativa de propor aos servidores palestras como está, é importante e sempre bem-vinda’’, completa.

Agência Assembleia de Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui